quarta-feira, 14 de julho de 2010

Irmandade da Adaga Negra 02 – Amante Eterno

 

Irmandade da Adaga Negra 02

Amante Eterno

 

Sinopse

Nas sombras da noite em Caldwell, Nova York, desenrola-se uma sórdida e cruel guerra entre os vampiros e seus carrascos os redutores. Há uma irmandade secreta, sem igual, formada por seis vampiros defensores de sua raça. Possuído por uma besta letal, Rhage é o membro mais perigoso da Irmandade da Adaga Negra. Dentro da Irmandade, Rhage é o vampiro de apetites mais vorazes. É o melhor lutador, o mais rápido a reagir, baseado em seus instintos, e o amante mais voraz, porque em seu interior arde uma feroz maldição lançada pela Virgem Escriba. Possuído por esse lado sombrio, Rhage teme constantemente que o dragão dentro de si seja liberado, convertendo-o num perigo letal para todos à sua volta.

Vampiros x Redutores: o amor e a guerra

Nas sombras da noite em Caldwell, Nova York, desenrola-se uma sórdida e cruel guerra entre os vampiros e seus carrascos os redutores. Há uma irmandade secreta, sem igual, formada por seis vampiros defensores de sua raça. Possuído por uma besta letal, Rhage é o membro mais perigoso da Irmandade da Adaga Negra.

Dentro da Irmandade, Rhage é o vampiro de apetites mais vorazes. É o melhor lutador, o mais rápido a reagir, baseado em seus instintos, e o amante mais voraz, porque em seu interior arde uma feroz maldição lançada pela Virgem Escriba. Possuído por esse lado sombrio, Rhage teme constantemente que o dragão dentro de si seja liberado, convertendo-o num perigo letal para todos à sua volta.

Mary Luce, uma sobrevivente de muitas adversidades, entra de maneira involuntária no universo dos vampiros, contando apenas com a proteção de Rhage. Concentrada em combater sua própria maldição, potencialmente mortal, Mary não está em busca de amor e perdeu sua fé em milagres tempos atrás. Mas quando a intensa atração animal de Rhage se transforma em algo mais emocional, ele sabe que Mary precisa ser sua e de mais ninguém. E enquanto os inimigos fecham o cerco, Mary luta desesperadamente para alcançar a vida eterna com aquele que ama...



Nesse segundo volume da saga Irmandade da Adaga Negra, continua a história da Irmandade de guerreiros vampiros altamente treinados que protegem as demais vampiros dos assassinos da Sociedade Restritiva, Como conseqüência da seleção genética de sua raça ( somente dos melhores de sua raça), os Irmãos possuem uma imensa força física e mental e capacidade de cura assombrosamente rápida, inclusive para a própria raça vampírica.

Normalmente os Irmãos não estão unidos por vínculos de parentesco e são introduzidos na Irmandade mediante a proposta de outros Irmãos mais velhos. Agressivos, auto-suficientes e reservados, vivem separados do resto dos civis (vampiros não-pertencentes a Irmandade) e até mesmo da Glymera, mantendo pouco contato com os membros de outras classes, exceto quando precisam alimentar-se. São objeto de lenda e reverência dentro do mundo dos vampiros. Além de lutarem por sua raça, eles sofrem ainda com os sentimentos conflitantes, que não os deixam ser felizes no amor. São altamente super-protetores quando vinculados.

Nesse livro temos a relação interespécies de uma humana Mary com um vampiro Rhage que acaba trazendo sua amada Mary para um mundo desconhecido e secreto para os humanos,

Dessa vez Rhage, o irmão mais forte e de apetite mais voraz, é o centro das atenções.O mais letal de todos os irmãos possui uma beleza singular, que lhe rendeu o apelido de Hollywood.

Rhage Esse é o meu Rhage. É assim que eu visualizo o Hollywood

De início o cara é apresentado como o melhor amante do mundo, o garanhão que consegue tudo o que quer, e tem todas as mulheres, um retrato típico de um playboy,mas ao longo da estória Rhage mostra seu lado triste e solitário, pois ele carrega uma maldição, uma besta em forma de dragão, ele foi amaldiçoado pela Virgem Escriba como um castigo por seus atos impulsivos. O que sinceramente foi por uma besteira para mim adaguete de carteirinha,é por essas e outras que eu tenho o pé atrás com essa Virgem Escriba (leia-se Vaca Escriba)

Quando Rhage se transmuta na tal besta ele não é mais capaz de reconhece e distinguir entre amigos e inimigos e se torna completamente violento, sendo um perigo para todos inclusive os próprios irmãos, como forma de conter a besta, Rhage descarrega sua energia com muitas mulheres, lutas e muito exercício físico, mas nem sempre isso é o suficiente para aplacar a fera. O Irmão mais belo sofre e se odeia por tratar as mulheres com tanto desprezo, como simples instrumentos de prazer e liberação de energia.

A mocinha da história dessa vez é a humana Mary Luce, de 31 anos, que tem leucemia, ao descobrir a doença Mary fica muito abatida, pois já havia travado uma luta com a doença, porém ela voltou e o fato da mãe da Mary também ter morrido dessa maneira mexe muito com o psicológico dela. A moça tinha uma vida solitária e conformada trabalhava em um escritório de advocacia, e nas horas vagas era voluntária em um serviço de prevenção ao suicídio, ela não esperava mais amor em sua vida, até que é envolvida no mundo dos vampiros sem querer, e se torna alvo da  atração animal de Rhage.

Leiam o trechinho do que pensa Mary quando vê Rhage a primeira vez.

Um homem loiro, alto e musculoso, vestido com uma camisa preta e calças de couro se cambaleava ao redor de uma esquina. Estava instável sobre seus pés descalços, com uma mão na parede e seus olhos olhando para baixo. Parecia olhar ao chão cuidadosamente, como se confiasse em sua percepção da profundidade para equilibrar-se.

Parecia bêbado ou talvez doente, mas… bom Deus, ele era belo. De fato, seu rosto era tão deslumbrante que teve que piscar algumas vezes. O queixo perfeitamente quadrado. Lábios cheios. Maçãs do rosto altas. A testa larga. O cabelo era grosso e ondulado, mais claro na frente, mais escuro na parte de trás onde era mais curto.

E seu corpo era tão espetacular como seu rosto. De ossos grandes. Muito musculoso. Nada de gordura. Sua pele era dourada até sob as luzes fluorescentes.

Repentinamente ele a olhou. Seus olhos eram de cor azul elétrica, tão brilhantes, tão vívidos, que eram quase como o néon. E ficaram olhando fixamente através dela.

Nossa Mary como qualquer mortal acha nosso vampirão Rhage lindo como deu para notar aí nesse trechinho, mas nosso Irmão mais belo não fica muito atrás Rhage se descontrola ao ver Mary pela primeira vez, a atração dele é imediata. A partir desse encontro o destino daquele casal era ficar junto. Selecionei alguns trechinhos a dedo só para dar o gostinho.

E ele soube o momento em que sua ansiedade e sua irritação se converteram em algo quente. Ele cheirou sua excitação, um precioso doce no ar, e seu corpo respondeu a sua chamada.

Ele ficou duro como um diamante.

- Fale para mim, Mary. - Ele moveu seus quadris em um lento círculo contra ela, esfregando sua ereção sobre seu abdômen, aumentando sua dor e sua temperatura.

Quando ela não respondeu, ondulou seus quadris, a ereção maciça movendo-se, dando voltas, pressionando em seu abdômen.

Seus quadris a deixaram brevemente, retornando com sua coxa empurrando entre suas pernas e lhe acariciando o centro. A mão na base de seu pescoço desceu totalmente para seu esterno, detendo-se finalmente entre seu seios.

Rhage vai contra tudo e contra todos para ficar com Mary, pois que ela é a sua shellan, mas Mary não consegue entender como um homem lindo, tesudo, maravilhoso e gostosão a lá estilo hollywoodiano que nem ele poderia querer justamente ela, que se considera um mulher sem grandes atrativos.

Com a doença de Mary, Rhage entra em desespero, a medicina humana já não pode fazer nada por ela e ele apela para a única pessoa capaz de ajudar sua amada shellan nesse momento, ele vai clamar a Virgem Escriba pela vida de Mary. A Virgem Escriba oferece a ele um acordo nada vantajoso, um acordo verdadeiramente sofrível, mas que pela vida de Mary ele aceita.

Enquanto isso, a besta dentro de Rhage, também se apaixona por Mary, tanto a besta como Rhage a desejam e surge um novo conflito, pois quando achamos que tudo está bem entre o nosso casalzinho Rhage teme pela vida de Mary por causa dos impulsos de sua besta interior que também deseja possuí-la e ele não consegue aceitar isso.

No geral Amante Eterno não tem tanta ação como no primeiro livro Amante Sombrio apesar de haver sim cenas de luta. E para nossa (leia-se minha) imensa sorte as cenas “hot” do Amante Eterno são bem mais intensas e explícitas que as do Amante Sombrio, vou revelar logo a tendência nos próximos livros é essas cenas aumentarem. Pronto falei.

Na estória se desenvolvem os problemas de outros personagens que dão um gancho para os próximos livros da série,  como o livro 03 Amante Desperto que terá como protagonistas o casal Zsadist e Bella e de antemão eu digo que é um dos melhores livros da série da Irmandade da Adaga Negra. Algumas pessoas tem críticas em relação a Amante Eterno porque os personagens do primeiro livro (casal Wrath e Beth) praticamente somem dando espaço a novas tramas e casais, quando quanto a isso não tenho críticas sei que cada livro é o espaço de desenvolvimento de determinados personagens.

Não importa que eu faça e refaça essa resenha mil vezes, a emoção que eu sinto ao falar de Adaga Negra só entende quem já leu. E com a palavra de quem já leu todos os livros da Black Dagger Brotherhood, Amante Eterno é um dos mais românticos da série.

Só tenho uma coisa a dizer: eu no lugar da Mary nunca teria feito um jogo tão duro com o meu Rhage, dá pena do coitado, se humilhando pelo amor dela. Tadinho dele.

É difícil resenhar algo que se gosta tanto porque sempre temos que nos conter para não acabar revelando mais coisas do que devíamos sobre a trama. Espero que tenham apreciado a dica.

Sobre a autora

J. R. Ward é o pseudônimo de Jessica Bird, escritora formada em Direito e História da Arte que mora no sul dos Estados Unidos. Apesar de ter escrito seu primeiro livro (não publicado) ainda na adolescência, foi só no início dos anos 2000 que sua carreira de advogada deu lugar à de escritora em período integral. J. R. Ward sempre gostou de histórias de pessoas apaixonadas, principalmente por todo o drama que cerca aqueles que se entregam por completo ao amor. Não por acaso, especializou-se em escrever romances sobre paixões arrebatadoras que acabam por hipnotizar os leitores. Ela própria se define como uma mulher apaixonada – pelo marido, pela arte de escrever, por seu cachorro e pelo rumo que sua vida tomou. Em 2007, foi premiada pela associação de Escritores de Romance da América (RWA) o prêmio RITA por Melhor Romance Curto Contemporâneo.

landing%20new

Sobre a Irmandade da Adaga Negra

 

Irmandade da Adaga Negra

Série de vampiros best-seller no New York Times

Em 2005 foi lançado nos Estados Unidos o primeiro volume da série que se tornaria febre entre as mulheres do país. A Irmandade da Adaga Negra foi a primeira a trazer ao universo dos vampiros uma veia de romance e erotismo, e rapidamente conquistou milhares de fãs em todo o mundo vendendo mais de 3 milhões de exemplares no exterior.

Em pouco tempo, o primeiro livro Dark Lover chegou a marca de 384 mil cópias vendidas, ganhando as continuações Lover Eternal, Lover Awakened, Lover Revealed, Lover Unbound, Lover Enshrined, Lover Avenged e Lover Mine.

Além dos 8 títulos já lançados, a editora norte-americana da saga já encomendou mais 3 livros que serão lançados até 2013, mostrando o quanto a série ainda desperta o interesse do público.

Recentemente foi lançado o “The Black Dagger Brotherhood: An Insider’s Guide”, um guia com detalhes sobre os personagens e que, em pouco tempo também se tornou sucesso de venda.

No Brasil, a saga chegou somente em 2010 com o lançamento do best-seller Amante Sombrio e da continuação Amante Eterno, ambos sucessos de crítica e de vendas.

Para garantir um trabalho de tradução de qualidade e não decepcionar os fãs da série, a Universo dos Livros está lançando cada título com intervalo de 60 dias. O terceiro volume, baseado no personagem Zsadist, o vampiro mais enigmático de todos, será lançado esse semestre. Os demais volumes já estão em tradução, sendo que cada um deles conta a história de um dos vampiros guerreiros, mostrando sua luta pela sobrevivência e suas paixões arrebatadoras.

 A Série

Amante Sombrio

Dark Lover – 2005

Wrath é o rei dos vampiros e último de raça pura entre eles. Ele é cego e é o líder que não quer assumir o trono. Ele apaixona-se pela mestiça Beth, filha do seu irmão Darius.

Amante Eterno

Lover Eternal - 2006

Rhage é o mais forte e mais bonito dos irmãos. Amaldiçoado pela Virgem Escriba ele é possuído por uma fera que ameaça a todos. Ele conhece a humana e indefesa Mary e por ela é capaz de dominar o seu lado mais sombrio.

Amante Desperto

Lover Awakened – 2006

Zsadist possui o corpo repleto de cicatrizes e um olhar amedrontador. Tendo sido por muito tempo escravo de sangue possui um passado repleto de sofrimento e humilhações. Caberá a Bella ajudá-lo a superar essas feridas e vislumbrar um futur ao lado dela.

04-jrw-cover-lr-med_thumb[4][4]Amante Revelado

Lover Revealed – 2007

Butch é ex-detetive e o único humano aceito na sociedade. Ele é mencionado na antiga Profecia dos Redutores ... e isso o mantém em conexão com eles. Sua história e o seu amor pela vampira Marissa são contados aqui.

 

05-jrw-cover-lu-med_thumb[2] Amante Liberto

Lover Unbound – 2007

Vishous possui o dom de prever o futuro, mas esse poder o atormenta, pois não consegue impedir que coisas ruins aconteçam com aqueles que ama. Tatuagens libidinosas em sua face indicam um passado assustador que a médica cirurgiã Jane Whitcomb irá descobrir.

Amante Consagrado06-jrw-cover-len-med_thumb[4]

Lover Enshrined – 2008

Phury é o irmão gêmeo de Zsadist. Sua lealdade pelo irmão o faz atirar na própria perna. Dono de uma aparência incrível ele mantém o celibato como forma de punição. Mas até quando ele manterá essa opção?

6.5-jrw-cover-ig-sm2_thumb[4]

Compêndio: A Irmandade da Adaga Negra: Um guia para entendidos

The Black Dagger Brotherhood: An Insider's Guide – 2008

Este completo guia de informações privilegiadas sobre características da Irmandade, dos seus processos, estatísticas, e dons especiais. O leitor irá saborear entrevistas com seus personagens favoritos, cenas deletadas, material emocionante da placa da mensagem JR Ward e as respostas para suas perguntas ardentes.

Amante Vingado07-jrw-cover-lav-med_thumb[4]

Lover Avenged – 2009

Rehvenge é cunhado de Zsadist. Dono do clube ZeroUm que vive num mundo de corrupção e violência. E ainda tem que esconder a sua natureza mestiça usando altas doses de dopamina ... que podem matá-lo. Sua salvação será Ehlena, uma vampira intocada pela corrupção que o cerca – e a única coisa que se coloca entre ele e a destruição eterna.

08-lover_mine_thumb[4]Meu Amante

Lover Mine – 2010

Depois de ser adotado pela Irmandade e ter cumprido sua transformação como vampiro ... ninguém poderia imaginar a verdadeira história de John Matthew. Ele é levado à guerra e lá descobre a sua verdadeira origem.

 

irmandade gif grande_thumb[1]        Irmandade- irmãos_thumb[2]

Próximo Lançamento: Amante Desperto

Amante Desperto

Lover Awakened – 2006

Zsadist possui o corpo repleto de cicatrizes e um olhar amedrontador. Tendo sido por muito tempo escravo de sangue possui um passado repleto de sofrimento e humilhações. Caberá a Bella ajudá-lo a superar essas feridas e vislumbrar um futuro ao lado dela.

Sinopse: 03-jrw-cover-la-med

Nas sombras da noite no Caldwell, New York, inicia-se uma guerra mortífera entre vampiros e seus assassinos. Mas, existe também uma Fraternidade secreta que não pode ser comparada a nenhuma outra que tenha existido — seis guerreiros vampiros, protegendo sua raça.

Destes, Zsadist é o mais assustador membro da Irmandade da Adaga Negra.Zsadist, que durante séculos foi um escravo de sangue, ainda carrega as cicatrizes de um passado forjado à base de sofrimento e humilhação.

Conhecido pela sua insaciável raiva e sinistros atos, é um selvagem, temido igualmente entre os seres humanos e vampiros. A raiva é sua única companheira e o terror sua única paixão... Até que ele resgata uma bela aristocrata da Sociedade do Redutora.

Bela se sente enfeitiçada de imediato pelo ardente poder que emana de Zsadist. Porém, quando o desejo de ambos começa a consumi-los a irrefreável sede de vingança que Zsadist sente pelos torturadores de Bela o leva ao limite da loucura. Agora, Bela deve ajudar seu amante a superar as feridas de seu atormentado passado e encontrar um futuro junto a ele...



AlexandrinaBx

13 comentários :

  1. ADOROOOOOOOOOOOO!!!!!!!!!!!!

    O Rhage é o meu Guerreiro preferido,e o livro dele é perfeito!!!
    Inteso....Romântico....
    Como você disse ele parecia ser só um garanhão,mas ele é muito mais que isso....
    Irmã adorei o post....

    Irmandade da Adaga Negra é TUDO DE MARAVILHOSO!!!!!!!!!!!!
    Bj

    ResponderExcluir
  2. Pensar que estou empacada com um livro aqui e tenho essa maravilha na estante sem ler.
    Leninha pegando uma faca, kkkk
    Amei o post.
    Ansiosa pelo Z apesar de estar com a leitura atrasada dessa saga maravilhosa!

    ResponderExcluir
  3. Ahhh esse Rhage lá em casa....rs
    Doida pelo livro 3...

    ResponderExcluir
  4. Leninha como assim?? que sacrilégio!!! Adagas vale a pena.

    ResponderExcluir
  5. Embora esta historia de carinhas musculosos e blabla não me agrade nada, a historia parece ser da boa! ahhahaha

    Beijooo

    ResponderExcluir
  6. A resenha ta ótima Ale, e o post MUITO completo. Parabéns

    ResponderExcluir
  7. Ai Biel adoro estorinhas com carinhas musculos, e ainda mais vampiros hots

    ResponderExcluir
  8. Oi, Ale.

    Amei!

    Todo mundo fala maravilhas dessa série.

    Mal posso esperar para começar a lê-la!

    Peninha que os preços não colaboram comigo. :(

    Assim que tiver uma promoção fantástica, vou comprar e desfrutar dessa série, que parece ser fenomenal!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Aiiiii...

    AMOOOOOO

    MINHA HISTÓRIA FAVORITA....

    ALêêêê^... FICOU MUITO BEM RESENHADAAAAAAAAAAAAA

    ResponderExcluir
  10. Amooooo adagas. Ficou lindo o post Ale. Que venha o desperto.

    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Vaca Escriba hahahahahaha resumiu exatamente meus sentimentos em relação a ela! Adorei a resenha :D

    ResponderExcluir
  12. O livro mais romântico que li nos últimos tempos!!!
    J.R. Ward estava inspiradíssima qdo o escreveu. Mostra o amor em todas as suas nuanses, primeiro a atração selvagem que caracteriza a paixão, segundo a fase da conquista qdo ele faz tudo para que ela lhe dê atenção, terceiro a realização de seu amor, tanto sentimental como físico e por último o amor maior: A renúncia, para q ela tenha a oportunidade de viver sua vida plenamente, msm q não seja ao lado dele.
    Os personagens desta estória são simplesmente belíssimos, profundos, apaixonantes, fazem c/ que esqueçamos q eles são apenas isso personagens, ao lermos este livro nos envolvemos, exaltamos, odiamos, amamos e choramos. Enfim ele é PERFEITO!!!!
    Vou parar p/ aqui porque já não parece mais um comentário e sim uma resenha.kkkkkkkkk...
    Parabéns a Universo dos Livros por um tratamento tão cuidadoso c/ esta série que já se tornou um dos xodós de nós fãs da J.R.Ward!!!
    Fico no aguardo ansioso do terceiro volume da série IAN.
    Bjus,

    ResponderExcluir
  13. Parabéns Alexandrina!!! Adorei a resenha.. e que venham os próximos!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...