sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Conspiração Mortal – J.D. Robb (Nora Roberts)

CONSPIRACAO_MORTAL_1259174987P

Conspiração Mortal

Série Mortal - Livro 8

Sinopse

Numa época em que a natureza humana permanece tão previsível quanto a morte, um assassino brinca de Deus e coloca vidas inocentes na palma da mão. Com a precisão de um cirurgião, um serial killer ataca as almas mais vulneráveis pelas ruas das grandes cidades do mundo. Os crimes não deixam marcas roxas nem sinais de luta - apenas um buraco feito a laser, com bordas perfeitas e o tamanho de um punho, no lugar do coração.
Quem recebe a missão de investigar o caso é, claro, a detetive Eve Dallas. Porém, no calor do jogo de gato e rato com o assassino, o trabalho de Dallas subitamente se coloca na linha de tiro. Neste oitavo romance futurista da Série Mortal, de J.D. Robb (Nora Roberts), os mistérios e as emoções não cessam.


Escrita por Nora Roberts sob o pseudônimo de J. D. Robb, a Série Mortal começa com Nudez Mortal, livro em que a tenente tenta desvendar um caso de assassinato, cujo principal suspeito era Roarke, multimilionário irlandês de passado nebuloso. Já nesse livro ela começa a se sentir atraída por ele. Em seguida, em Glória Mortal, ela e Roarke já estão completamente apaixonados, o que aumenta os problemas na vida de Eve. Em Eternidade Mortal, o terceiro livro, ela mais uma vez se envolve emocionalmente com um dos casos que investiga: seguindo a trilha do frio assassino de uma top model, Eve Dallas precisa deixar de lado os preparativos de seu casamento com Roarke para provar a inocência de sua melhor amiga. No quarto volume da coleção, Êxtase Mortal, a detetive tem de desvendar uma série de crimes que ultrapassam os limites da realidade. Em Cerimônia Mortal, surge uma trama que une velhas crenças e acontecimentos muito além da compreensão humana. Em Vingança Mortal, Eve se vê envolvida com um louco especializado em eletrônica que a assombra com charadas e pistas codificadas a respeito dos crimes que está prestes a cometer. No livro anterior, Natal Mortal, deparamos-nos com um cruel assassino fantasiado de bom velhinho.
Nesse livro podemos ver uma Eve mais humana. Ela sofre muito. E quando digo muito se preparem para um SUPER sofrimento. Sempre tive a idéia de que Eve era uma super heroína. Ela é tão forte em determinados eventos que ficamos em dúvida se Nora escreveu sobre uma humana ou sobre uma super humana. No livro passado Eve estava bem mais solta com Roarke. Nesse continua, e por ela sofrer bastante nesse livro ela consegue se aproximar e demonstrar mais ainda o seu amor por ele. De pouquinho em pouquinho, Roarke consegue minar aquele muro protetor que Eve usa. Como dizia minha avó de grão em grão… Roarke continua aquele bonitão TDB. Agüenta o tranco junto a Eve. E ainda usa seus inúmeros conhecimentos sendo um parceiro profissional e pessoal. E como disse na resenha anterior. LEIAM A SÉRIE.

 Twitter 

6 comentários :

  1. Se tem uma série que vale a pena ler é essa... li Nudez Mortal e me fisgou! E por mais longa que é, os seus temas nunca se esgota! Nela Nora mostra que a escritora maravilhosa que é! Adoro!
    Esse ainda não li...
    Mas ta a caminho!

    ResponderExcluir
  2. Essa série é muito grande. Não me animo em começar.rsrs
    BJs

    ResponderExcluir
  3. Hérida se anime. Eu também quase não começo e agora não quero largar rsrs.

    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Eu estou lendo Cerimônia Mortal, e tenho que ler logo o próximo porque quero ler Natal Mortal antes do Natal...rsrsrsrs

    Adoro essa série e as capas são lindas!!!!

    Bye

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...