quarta-feira, 13 de julho de 2011

Dinastia Westmoreland 02 - Whitney,Meu Amor! - Judith McNaught

Órfã de mãe e criada por um pai severo e frio, a adolescente Whitney Stone choca a sociedade inglesa do começo do século XIX com seus modos, sua espontaneidade e rebeldia. Desde menina, ela ama o belo e aristocrático Paul, perseguindo-o em todos os lugares e inventando as mais inusitadas formas de chamar-lhe a atenção. Enviada a Paris, ela recebe um longo treinamento para transformar-se uma mulher fina, glamourosa, irresistível. Quando retorna a Londres, está mudada, mas ainda disposta a conquistar seu amor de infância. Mas o irascível e poderoso duque Clayton Westmoreland é quem se interessa mais vivamente pela jovem mulher. E é ele quem, por meio de artimanhas maquiavélicas, consegue levá-la ao altar. Mas Whitney recusa-se a aceitar imposições, e está disposta a fazer tudo para livrar-se do odioso casamento. A convivência, porém, traz surpresas, e dentro de pouco tempo o duque se revela muito mais charmoso e gentil do que ela desejaria admitir. Talvez Paul não passe de uma fantasia infantil; talvez Clayton tenha bons motivos para agir tão brutalmente; talvez o casamento não seja um erro tão grande assim…

“Whitney,meu amor!” foi o meu livro do ano.

Whitney é diferente das mocinhas que estamos acostumadas a ver voluntariosa e decidida é capaz de tudo para conquistar Paul, que ela acredita ser o grande amor de sua vida. Chegando até a se comportar como um menino algumas vezes, depois de muitos incidentes e escândalos o Pai de Whitney a manda para Paris para ser criada pelos tios na esperança de que sua filha crie trejeitos de moça comportada.

Clayton é um mulherengo renomado, vê Whitney pela 1ª vez quando ela ainda era uma jovem imatura e fica fascinado pelo jeito decidido da garota. Depois de alguns anos ele a reencontra em um baile de máscaras e sente uma atração instantânea pela mulher em que ela se transformou. Decidi então que Whitney vai ser sua esposa, e volta a Londres pra acertar o casamento com o pai da garota que estava atolado em dívidas.

Whitney sente uma aversão por Clayton desde o começo, principalmente pelo jeito mandão e arrogante, mas também não consegue evitar o desejo que ele desperta nela.

Posso Falar?!

Perfeito, perfeito mesmo!!

Antes de começar a ler Whitney, ouvi várias histórias de como o Clayton era autoritário, arrogante, prepotente entre outros adjetivos nada amigáveis, mas depois que comecei a ler a história não pude deixar de me apaixonar por ele (Síndrome da mulher capacho). Clayton é tudo isso sim, mas ele tem motivos, ele foi criado pra ser um Duque, desde pequeno ele sempre teve tudo o que quis todos os desejos atendidos. Ele é estúpido e arrogante, mas esse é um traço encontrado em todos os aristocratas.

Whitney também não é a coitada que pensamos, ela sabe muito bem o que faz, ela é impetuosa demais, e nem um homem aceitaria de bom grado as coisas que ela faz. Ela se apega demais ao sentimento de criança que nutria por Paul e acaba se metendo em muita confusão.

Mesmo assim não posso redimir o Clay de alguns erros que ele cometeu, em alguns momentos ele foi precipitado e pensou o pior de Whitney sem antes procurar esclarecer os fatos. Ele era tão possessivo e ciumento que agia de modo irracional.

Clayton e Whitney sofrem muito antes de chegarem a um entendimento.

Agora sim, entendo por que Judith é a autora preferida de muitas meninas.

Infelizmente “Whitney, meu amor!” é item raro no mercado, mas recebi uma noticia que me deixou super feliz, em Setembro as Edições Best Bolso vai relançar Whitney. Não vejo a hora de ter esse livro na minha estante.

P.S: Ainda não sei se a nova versão será com o final estendido, mas espero que sim.

P.P.S:Muito obrigada Jeanne mais uma vez pela dica.

Confira a resenha que já rolou sobre a  Dinastia Westmoreland:

Dinastia Westmoreland 01 - Um Reino de Sonhos

36 comentários :

  1. Sou apaixonada pelos livros da Judith, principalmente os históricos. Tenho alguns, mas este realmente é uma raridade que ainda não encontrei. Fiquei muito contente com a notícia da reedição, agora é aguardar!
    Bjkas,

    Monique Martins
    MoniqueMar
    @moniquemar

    ResponderExcluir
  2. Será que sou a unica que ainda nao leu Judith McNaught? A lili me emprestou um livro dela e logo vou começar a ler, ela me falou desse ai e disse q eh lindo, bela resenha rafinha! bjs
    Dana

    ResponderExcluir
  3. Será que sou a unica que ainda nao leu Judith McNaught?+1
    Parece ser um romance legal, e esse tal duque já me encantou.
    boa resenha.

    ResponderExcluir
  4. É o tipo de livro: Ela reclama mais gosta kkkkkkk
    amo isso.

    ResponderExcluir
  5. Eu também nunca li nada dela,até minha amiga me mandou um livros dela para ler e tudo mais. Quando tiver tempo eu leio eles...
    Ah,parabéns pela resenha. Ficou incrível.

    ResponderExcluir
  6. Eu já ouvi falar da autora mas nunca mim interessei para ler!
    Esse mocinho é o tipo que mais detesto: possessivo, ciumento e que pensa o pior da mocinha...
    Com certeza não irei ler.

    Bjus =*

    ResponderExcluir
  7. Eu tinha comentado antes! Mas o Google fez algo que eu não sei que bloqueo a página do Blog e junto meu comentário >_>' mas enfim.

    Essa é outra autora que eu não conhecia, mas já ganhou minha confiança e respeito. Adoro protagonistas com atitude, decididas. E o duque? Ah homens ciumentos muitas vezes é um saco, mas em livros geralmente são super fofos. Sou super fã de histórias com nobres loucamente apaixonados, me dá até vontade de voltar no século XIX e viver nesse período, só pra ver se arrumo um Duque também xD

    Adorei a resenha, sempre conseguindo me deixar curiosa para ler!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. O começo lembra Memórias de uma Gueixa.

    ResponderExcluir
  9. Esse livro parece ser interessante, mas eu nao fiquei muito interessado! nao sei porque...é romance de banca né? A capa tem tudo a ver!

    ResponderExcluir
  10. Gostei muita da resenha e me deu muita vontade de ler esse livro adoro romances de banca, gosto muito das resenhas que vocês principalmente de livros que nunca ouvi falar assim eu posso conhecer mais.

    ResponderExcluir
  11. Já ouvi falar desse livro :)
    Adorei a resenha.

    ResponderExcluir
  12. PArece ser um romance formidavel.Também gosto de historia cheia de reviravoltas, com um bandido moçinho arrogante, acho que todas nós temos um cpachozinho escondido no subconsciente, né?rsrsrs.Amei Best Bolso.Eu queroooo

    ResponderExcluir
  13. Nunca li nenhum livro da Judith. Uma pena.
    O romance parece ser ótimo.
    e adorooooo dicas boas! :)

    ResponderExcluir
  14. Já tinha ouvido falar desse livro! Adorei a resenha, me deixou com vontade de ler! ;D

    ResponderExcluir
  15. Não me despertou muito o interesse! Mas pra quem gosta desse tipo de história, acredito que a leitura vale a pena!
    Parabéns pela resenha! :)

    ResponderExcluir
  16. Nossa tenho uma amiga que vi me indicando os livros da autora mas nunca me dispertou tanto interesse. Mas é fato, qdo lançarem o livro vou me animar a ler por causa da sua resenha \o/

    Adoro estorias que tem esse conflito todo rsrs e tbem quero ter minha proprias impressoes sobre Whitney e Clay :)

    Aporei a resenha, parabens
    beijos

    ResponderExcluir
  17. Pela capa ele parece ser antigo, não é? Nunca li.

    ResponderExcluir
  18. Gosto desses romances em que a mocinha é, meio revoltada. (diferente das mulheres da sua época)

    (:

    ResponderExcluir
  19. Nunca ouvi falar desse livro, mas ele parece muito interessante. Eu gosto de mulheres atemporais, que mesmo num mundo em que teoricamente os homens mandam, elas não têm medo de lutar pelo que querem. São raras mesmo hoje em dia =P
    Espero poder ler algum dia!
    Bela resenha!!

    bjos!

    ResponderExcluir
  20. Nossa eu definitivamente vou comprar esse livro se ele for relançado, já ouvi muita gente falar que é otimo!

    @Jennifer13d

    ResponderExcluir
  21. Parece ser um bom livro mas não mi deu muito interesse, mas da um pouco de curiosidade pra saber a história.

    ResponderExcluir
  22. Amo os livros da Judith, *-*
    Whitney, Meu Amor!já está na minha lista a um tempinho, quero muito lê-lo!!
    Parabéns pela resenha!
    Bjs
    Elidiane Ferreira da Silva'

    ResponderExcluir
  23. Preciso ler mais romances assim, as resenhas daqui do blog sempre me fazem quer ler todos os livros!!
    ^^

    ResponderExcluir
  24. Eu sou completamente apaixonada por romances historicos, os homens podiam ser assim...
    Adoro esses mocinhos dominadores e essa mocinha me lembra um pouco outra, mas nao lembro qual. Adorei a historia, preciso ler essa serie.
    Bj
    greiciely silva santos
    @GreicySantos

    ResponderExcluir
  25. Nossa.. Depois dessa super resenha, fiquei com vontade de comprar o relançamento e saber o resto da história. Será que sou a única que ainda não leu Judith McNaught? +1

    ResponderExcluir
  26. Adoro as mocinhas que tem personalidade, dá muito mais ação ao livro! A história me conquistou e tomara mesmo que relancem, pois vou querer ler esse livro! Bjo!

    ResponderExcluir
  27. Não gosto das capas de romances de banca, não sei porque. A estória parece divertidinha, que você lê rapidamente.

    ResponderExcluir
  28. Adorei esse livro! Ri muito com as trapalhadas da mocinha, ela era muito teimosa. Acho que vou ler novamente.

    ResponderExcluir
  29. O livro parece ser lindo, suuuuuuuper romântico.
    Adorei a dica.

    ResponderExcluir
  30. Quero ler, já tinha ouvido falar nessa autora!!!

    ResponderExcluir
  31. Misericórdia!!!!
    Eu preciso desse livro!
    Ha tempos quero esse livro, mas além de ser caro é super raro de achar alguém que queira abrir mão dele! kkkkk
    Mas parece que vai ser relançado, isso com certeza vai fazer a minha felicidade!
    kkkkkk
    PS: E a surra que ele dá a ela é histórica!
    kkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  32. Eu ainda não li esse livro, mas depois de ler essa resenha fiquei aqui pensando como não o tenho ainda, fiquei doida para ler a história e claro que vou aguardar a edição bestbolso....pois agora quero lerrrrr urgente....bela resenha e obrigado pela dica....\o/...beijokas elis!!!

    http://amagiareal.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  33. Rafinha,

    fiquei tão feliz por vc ter sido rendido e ter virado uma fã da Judith.

    Ela é diva, perfeita!

    Vc é mulher capacho? Somos duas querida...kkkkk

    Esse livro é daqueles que vc lê, relê, relê, sonha,ama e nunca esquece...

    Quando sair a nova edição vou comprar uns 3 exemplares..risos..Um pra guardar, outro pra emprestimo e outro pra Day...kkk Assim ela não leva os meus qdo casar...

    kkkk

    Bjos,

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...