sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Entre a Nobreza e o Crime - @jane_herman e Editora Lio

Sinopse:

Irene Hargensen nasceu no seio de uma das mais proeminentes famílias nobres da Inglaterra do século XXI. Filha de um barão com fortes aspirações políticas, ela habituou-se a um mundo em que a moral acima de todos os julgamentos manifestada perante a sociedade é bem diferente daquela que é posta em prática nos seus bastidores. Cedo demais, Irene descobriu o que poderia fazer pelo bem familiar – e perder em nome dele também. Sua vida de interesses é afetada quando o irmão Heinrich, um célebre causador de problemas, é brutalmente assassinado nas ruas de Londres. Querendo vingar sua perda, ela vai ao rastro de Viktor Morgan, genro do homem mais temido do mundo e alto criminoso da Máfia Russa. Ele aceita ajudá-la, mas cobrando um preço alto demais para ser exigido de uma dama da nobreza.

O que Viktor não esperava era que fosse dragado para os porões mais sinistros dos segredos de Irene, e que ele mesmo sentisse a necessidade de rebocá-la para o seu mundo. Um romance em que os limites entre nobreza e crime se perdem na medida em que Viktor e Irene, opostos que se atraem irremediavelmente, embarcam em um jogo de paixão e interesses sem direito a vencedores – e potencialmente mortal.

logo eanoc

O que falar de Entre a Nobreza e o Crime?. Bom, posso dizer que passei bons e maus momentos. Bons momentos lendo os capítulos e maus momentos quando ficava na angústia de aguardar a Jane Herman postar mais um capítulo. Sim, eu acompanho EANOC desde que ela era apenas uma fanfic, desde que a Jane lançou a sinopse em agosto de 2009 que eu acompanho. No caso da 1ª temporada, passei quase 02 anos nessa tortura, mais precisamente 01 ano e 03 meses, o sentimento que desenvolvi, creio que seja similar a das pessoas que liam folhetins no século XIX, pois ficava com aquela ansiedade aguardando sair o próximo capítulo. Eu me considero uma contribuinte do livro, porque fui leitora fiel de acompanhar as postagens, comentar, dar força a Jane e dizer que a fanfiction tinha sim perfil para publicação, por ter acreditado na história, ter organizado o ebook da primeira temporada da fic e hoje poder tê-la em minha estante.

Desde os primórdios de Entre a Nobreza e o crime nos idos de 2009, a história consegue dar um nó na minha cabeça e me surpreender a cada capítulo. Irene é uma personagem extremamente complexa, Viktor faz você amá-lo e odiá-lo com a mesma intensidade, a trama enredada por Jane, surpreende e prende sua atenção pelo esmero na construção dos personagens, e na interligação de todos os fatos, é daquelas tramas que pequenos detalhes revelam grandes segredos.

Diferentemente da fanfic, o livro é narrado em terceira pessoa, na fanfic tínhamos a narrativa pelos pontos de vista de Bella(Irene), de Viktor (Edward) e também capítulos narrados em terceira pessoa. A autora conseguiu dar um distanciamento da trama e das características psicológicas dos personagens de Twilight. Quem lê Viktor e Irene, mal consegue acreditar que um dia foram retratados como Edward e Bella, você não consegue identificar muitas similaridades, diferentemente do que ocorreu com o Cinquenta Tons de Cinza.

Viktor é um mocinho mais pícaro que já li, ele é um mafioso, sim ele mata pessoas, sim ele vende drogas, sim ele é corrupto, mas ao mesmo tempo consegue ser tão apaixonado, leal, romântico, cavalheiro. É um personagem forte que te faz duvidar muitas vezes de seus princípios morais, você vai se perguntar como não consegue odiar um cara que mata a sangue frio e você não vai acreditar como consegue se derreter a cada tentativa dele de conquistar a Lady Irene. Já Irene eu juro que quero dar uma boa surra nela. E o barão de Birmigham nem se fala. Você fica tensa sem saber o que realmente ocorria entre Irene e Heinrich, se o fato foi ou não consumado.

O livro é enorme, assusta de cara, mas rapidinho você se apaixona. Através de cada capítulo vamos acompanhando o amadurecimento da autora. Um livro nacional que vale a pena. Um romance adulto, daqueles que sentimos falta no mercado nacional.Um livro que vale muito mais do que custa pelo tamanho dele e pelo conteúdo. O que me deixou insatisfeita com o livro foram errinhos primários, erros bobos de diagramação como hifenização, parece que esqueceram de alterar a linguagem do InDesign para português, então está hifenizado como no inglês o que me causou um estranhamento muito grande, talvez para a maioria tenha passado despercebido, mas eu notei, foram questões mais bobas ainda como siglas em letras minúsculas, séculos em letras minúsculas, nota de rodapé faltando, caracteres desconhecidos em meio as notas de rodapé, palavras com letras trocadas, problemas aí gerados entre o momento da revisão e da diagramação, digo que foram erros gerados entre a revisão e a diagramação, pois acompanho a história desde o início e posso confirmar que a fanfic original continha bem menos erros do que o livro.

Enfim… luxúria, incesto, assassinatos, pedofilia, corrupção, paixão, hipocrisia, drogas, mistério e romance recheiam essa trama.

Só digo uma coisa, nunca mais na sua vida você vai conseguir olhar uma arma da mesma maneira, depois de ler o que o nosso mafioso faz com a sua Taurus. Quem já leu sabe o que se trata e acho que concorda que a cena da Taurus é simplesmente marcante, inesquecível, é de ficar na imaginação e atiçar fantasias. Esse mafioso tem pegada e a pegada é quente. Sinceramente, prefiro o Sr. Morgan ao Mr. Grey.

Parabéns a Editora Lio por investir em talentos com a Jane Herman e a Natália Marques (A Infiltrada), só mais atenção na revisão antes de aprovar o arquivo para a gráfica e tem muita gente boa no mundo das fanfictions, então continue trazendo-os ao grande público.

Ps: Amigas que aguardavam a minha resenha desculpem a demora, primeiro eu trabalho demais, então tempo é uma coisa escassa, segundo não estava com inspiração para escrever a resenha, e hoje em dia me dou ao direito de não me violentar mentalmente escrevendo quando não estou preparada para tal coisa. Mas como hoje é o meu aniversário queria presentear vocês com a resenha.

sll

Entre a Nobreza e o Crime nas Mídias Sociais

 Twitter  Facebook Orkut Skoob Formspring RSS

eanoc 

AlexandrinaBx

9 comentários :

  1. Amei EANEOC, agradeço ter tido a oportunidade de ler mais uma obra nacional digna de nota 10.
    Jane realmente tem o dom da escrita e consegue apaixonar o leitor, não só com o mote , mas principalmente nos faz amar personagens que normalmente abominamos.
    Viktor entrou para o meu grupo seleto de personagens inesquecíveis.

    Ansiosa pela segunda temporada, com certeza muitas emoções ainda nos aguardam!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Oi!

    Então, eu estou lendo o livro e a culpa em grande parte é sua. rs

    Concordo com tudo o que você falou. A história é ótima e é mesmo muito intensa. Jane é um talento, sem dúvida e a literatura nacional precisa de autores talentosos DE VERDADE.

    Tudo o que te incomodou está me incomodando também na leitura. E... que a Jane não fique chateada comigo, mas às vezes eu acho que ela usa um vocabulário prolixo em frases em que isso não é necessário. Explico: eu adoro texto com um vocabulário mais rico. Mesmo. Dá pra ver que a Jane domina isso, mas eu acho que ela exagerou um tiquinho... Coisa que um editor podia ter ajudado a lapidar e teria feito o texto ficar realmente perfeito! Sabe aquela coisa de acertar o tom do texto? É só o que falta.

    Essa história tem potencial para estar entre os mais vendidos e a Lio deveria investir na divulgação dele. Se não fosse pelo boca-a-boca, jamais teria sabido da existência desse livro.

    Ah, é gostoso acompanhar um livro nascendo assim, né?

    Bela resenha.

    bjs!

    ResponderExcluir
  3. Adorei sua resenha. E feliz aniversário.

    Bjss

    ResponderExcluir
  4. Oi, Alexandrina!

    Obrigada pela resenha, você é uma fofa.

    Sobre os pontos a serem analisados pela editora, concordo com eles, e acredite, a Lio está de olho. Li o que a Lilian falou a respeito de linguagem prolixa, eu a entendo. No momento em que estamos, com livros tão pobres linguisticamente sendo "ovacionados", é normal que estranhemos um com a linguagem um pouco mais elaborada. Meu maior sonho é algum dia ser tão 'prolixa' quanto Dostoievski, o ídolo, mas disso você sabe, Alê! #brinks

    E não compara o Sr. Morgan com o Sr. Grey. No meu coração tem lugar para os dois!

    Beijocas :*

    ResponderExcluir
  5. Oi lindinha,

    Meus books do céu! Que resenha primorosa! Maravilhosa!

    Tive o imenso prazer de ler o EANEOC, e,concordo com vc que os pequenos erros e falhas não deveriam ter passado despercebidos, entretanto, por outro lado, parabenizamos a editora LIO pela excelente escolha neste publicação maravilhosa.

    Sabe um dos quais apelidos eu dei para este livro? Foi LIVRO-CHICLETE (pq não sai da cabeça), um livrão maravilhoso! E apaixonante! Que Mr. Grey que nada! Mr. Morgan sim sim sim! kkkk

    Aguardo ansiosa pelo segundo!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Ale.

    Primeiramente quero agradecer a Glaucia Santos e a você a oportunidade de ter conhecido essa obra primorosa da Jane Herman.

    Entrou para a minha lista Top do ano!

    Concordo plenamente com você a respeito de tudo o que mencionou, principalmente em relação aos erros de revisão, porque também percebi, mas não é nada que desmereça a história que é sensacional.

    Estava carente de livros assim e, melhor ainda, nacional, o que nos deixa orgulhosos!

    Ansiosa para o próximo volume e que a autora nos brinde com mais emoções através de Irene e Viktor. ^^

    Torço para que esses erros não se repitam no próximo volume e concordo com o que a Lilian disse acima: "Essa história tem potencial para estar entre os mais vendidos e a Lio deveria investir na divulgação dele." FATO!

    Divulgando e indicando para todos os amigos, que surtam geral de curiosidade a respeito de uma certa Taurus... [risos].

    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Oi Alexandrina!

    Primeiro de tudo, Parabéns pelo níver!

    Segundo, que resenha viu! Hoje você estava inspirada porque quem tinha dúvidas sobre ler ou não esse livro, acabou de se decidir.

    Obrigada por me indicar EANEOC, eu amei! Demorei mais do que gostaria para ler porque eu não gosto muito de ler no computador, mas essa história me manteve várias horas acordada durante a madrugada.

    Jane Herman escreve divinamente bem e se eu não soubesse que ela era brasileira, não diria que essa história era nacional, até pelo fato de ela descrever tão bem cenas que se passam em outro país.

    Infelizmente ainda não pude comprar meu exemplar e nem reler a história com Viktor e Lady Irene, mas logo logo comprarei o meu! \o/

    Nossa senhora, a cena da Taurus é uma das cenas mais excitantes que ja tive o prazer (rs) de ler. Muito sensual mesmo!

    Revisão e diagramação são muito importantes, espero que na reedição a Editora conserte esses erros.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Opa! mais uma leitora/bloogueira q super-Recomenda este livro. Só q vc deu mais detalhes adoraveis..
    Agoora siim, fikei curiosa oh..
    Pra sentir todo este deleite com a leitura!
    e dizer q prefere Morgam a Grey me deixou em transe!! ¬¬' como assim??
    kkkkk

    bjinhos.

    ResponderExcluir
  9. Eu me apaixonei pelo Sr. Morgan e quero ele para mim e claro que venha com a Taurus, que delícia!
    Este livro entrou na minha lista de favoritos, terminei de ler ontem, mas ainda sinto o gostinho da leitura e do Viktor e Irina! Amo EANEOC
    Bjs,
    @PatriciaADavis

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...