domingo, 7 de junho de 2015

Beleza Perdida

Capa Comum: 332 páginas
Autora: Amy Harmon
Editora: Verus (29 de maio de 2015)
Idioma: Português
Sinopse:
Ambrose Young é lindo — alto e musculoso, com cabelos que chegam aos ombros e olhos penetrantes. O tipo de beleza que poderia figurar na capa de um romance, e Fern Taylor saberia, pois devora esse tipo de livro desde os treze anos. Mas, por ele ser tão bonito, Fern nunca imaginou que poderia ter Ambrose... Até tudo na vida dele mudar. Beleza perdida é a história de uma cidadezinha aonde cinco jovens vão para a guerra e apenas um retorna. É uma história sobre perdas — perda coletiva, perda individual, perda da beleza, perda de vidas, perda de identidade, mas também ganhos incalculáveis. É um conto sobre o amor inabalável de uma garota por um guerreiro ferido. Este é um livro profundo e emocionante sobre a amizade que supera a tristeza, sobre o heroísmo que desafia as definições comuns, além de uma releitura moderna de A Bela e a Fera, que nos faz descobrir que há tanto beleza quanto ferocidade em todos nós.

Julguem-me, mas simplesmente me apaixonei pela sinopse desse livro. A capa é tão profunda que eu precisava me afogar em suas páginas com urgência! E quando finalmente eu o tive simplesmente não consegui para de ler. Continuei achando a capa divida, mas a sinopse não faz jus ao livro.  A profundidade dos personagens, a beleza da escrita, e a sabedoria nascida de tragédias me cativaram de forma tão completa que o livro está entre umas das grandes revelações de 2015.

O dia 11 de Setembro de 2011 marcou todo um mando, trouxe marcas profundas, cicatrizes poderosas a toda a nação americana e nesse contexto Ambrose Young se sente compelido a contribuir de alguma forma, mesmo ele morando numa pequena cidade, ele instiga seus amigos a se alistarem, e dessa maneira os cinco amigos vão à guerra para honrar o seu país e infelizmente apenas um volta para casa vivo. Ambrose regressa, embora seu único desejo fosse ter morrido junto com os demais. Ele retorna ferido de forma permanente, com seu rosto deformado, sua alma quebrada e a culpa que sente é tão forte que o consome de uma forma devastadora fazendo com que ele se esconda do mundo. Ele um dia já fora bonito, forte e posso dizer que era o sonho de consumo de qualquer garota.

Fern Taylor tinha sido apaixonada por Ambrose desde os seus 10 anos de idade. O problema era que ele mal sabia que ela existia. Ele era atleta e o mais desejado da escola e ela era apenas uma menina tímida e facilmente esquecível. Quando ele retorna da guerra e ela o encontra devastado ela tenta de todas as maneiras penetrar no coração de um Ambrose arruinado, mostrando a ele que a beleza exterior é apenas uma visão superficial. Fern vai mostrar que um amor imaculado e inabalável pode erguer mesmo o mais marcado dos homens, seja esse trauma no corpo ou na alma a trazê-lo de volta à vida. Fern vai mostrar que há sempre uma fresta de esperança e que toda pessoa tem direito a uma nova oportunidade, a uma segunda chance.
[...] Não é amor, o amor que muda quando encontra mudança, que se move e remove com desamor, oh, não, o amor é marca eterna, que enfrenta tempestades e não se abala. [...]
Este não é um livro feliz, não é um conto de fadas, muitos o comparam com uma releitura moderna da história da Bela e a Fera, mas afirmo que é muito mais profundo do que isso. O livro me fez chorar, a escrita de Amy Harmon é simples, mas poderosa e eficientemente capaz de abalar os nervos. A diagramação do livro é linda, a fonte excelente de ler, páginas grossinhas e levemente amareladas. Se eu recomendo a leitura? Acho que você nem precisa perguntar!

Conhecendo um pouco a escritora

Amy Harmon soube desde cedo que queria ser escritora e dividia seu tempo entre escrever canções e histórias. Tendo crescido no meio de campos de trigo sem uma televisão, com apenas seus livros e seus irmãos para entretê-la, ela desenvolveu um forte sentimento de que fez uma boa história. Seus livros estão sendo publicados em vários países, e é verdadeiramente um sonho se tornado realidade para uma menina de um pequeno país de Levan, Utah.

Livros da escritora








3 comentários :

  1. Não sei do que gostei mais: da capa, da sinopse ou da resenha. Talvez foi o conjunto dos três... Kkk mais um pra lista... Tadinho do meu bolso...

    ResponderExcluir
  2. Oi!
    Livro lindo demais.
    Fiquei profundamente apaixonada por esse livro. Cheio de lições de vida.
    Não é um livro fácil, no sentido de que é tudo não perfeito. Pelo contrário, esse livro trás a imperfeição que o nosso ser pode sofrer. Porém, a cura também pode existir.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...