terça-feira, 16 de junho de 2015

Legend (Livro 1) - Marie Lu

Capa comum: 256 páginas
Autora: Marie Lu
Editora: Rocco (5 de setembro de 2014)
Idioma: Português
Sinopse:

A Verdade Se Tornará Lenda - Ambientada na cidade de Los Angeles em 2130 D.C., na atual República da América, conta a história de um rapaz – o criminoso mais procurado do país – e de uma jovem – a pupila mais promissora da República –, cujos caminhos se cruzam quando o irmão desta é assassinado e a ela cabe a tarefa de capturar o responsável pelo crime. No entanto, a verdade que os dois desvendarão se tornará uma lenda. O que outrora foi o oeste dos Estados Unidos é agora o lar da República, uma nação eternamente em guerra com seus vizinhos. Nascida em uma família de elite em um dos mais ricos setores da República, June é uma garota prodígio de 15 anos que está sendo preparada para o sucesso nos mais altos círculos militares da República. Nascido nas favelas, Day, de 15 anos, é o criminoso mais procurado do país; porém, suas motivações parecem não ser tão mal-intencionadas assim. De mundos diferentes, June e Day não têm motivos para se cruzarem – até o dia em que o irmão de June, Metias, é assassinado e Day se torna o principal suspeito. Preso num grande jogo de gato e rato, Day luta pela sobrevivência da sua família, enquanto June procura vingar a morte de Metias. Mas, em uma chocante reviravolta, os dois descobrem a verdade sobre o que realmente os uniu e sobre até onde seu país irá para manter seus segredos.

Legend está ambientado no ano de 2130, na cidade de Los Angeles, a República da América que é governada pelo Primeiro Eleitor. Os que são antagônicos a República se agregarão e tornaram-se as Colônias. A República está em guerra constante com as Colônias. A segmentação entre ricos e pobres é gritante, com multidões lotando favelas e padecendo de epidemias de uma praga mutável que extrai milhares de vidas periodicamente, tornando a população assim cativa do medo.

A República possui uma lei suprema, quando as crianças completavam 10 anos elas passam por uma seleção, onde constam provas escritas, orais e físicas. É tão somente uma forma que a República possui de segregar as crianças e usar as melhores para seu benefício. A criança que obtiver uma contagem elevada tem uma vida de oportunidades e excelentes serviços. Agora a criança não apta fica fadada a uma vida nos campos de trabalho nas quais ainda perdiam o total contato com amigos e familiares.

Um garotinho de dez anos chamado “Day” não passa na prova, mas ao invés de ser levado para os campos para trabalhar ele é conduzido para ser exterminado e consegue sobreviver. Day é um fugitivo e passa a hostilizar a República de toda forma possível. Ele se torna o inimigo mais procurado, e com 15 anos de idade, tenta mesmo secretamente ajudar a sua família que acha que ele está morto. Ele tem uma grande amiga que se chama Tess que sempre o ajuda e está sempre por perto.

A outra protagonista da história se chama June, a menina prodígio, a única que passou nos testes com um resultado notável. June é brilhante, se destaca por suas notas e agilidade física, o que acaba despertando a atenção dos grandes comandantes militares. Ela perdeu seus pais ainda cedo e quem cuida dela desde então é seu irmão Metias, que detém um alto posto militar na República. Porém sua vida perfeita sofre uma reviravolta quando seu irmão morre em uma invasão a um hospital e Day é apontado como o autor de sua morte. Começa assim a busca de June por Day, pois ela quer vingança. As vidas de ambos vão se cruzar, de uma maneira que os marcará e a verdade virá à superfície.

Marie Lu me conquistou. Com toda a certeza, Legend é a melhor história distópica que já li. Definitivamente é uma trama bem trabalhada, os personagens são jovens, envolventes, com personalidades fortes além de o livro ter segredos, mistérios e paixão!  Confesso que quero ler muito a continuação, Prodigy.

A diagramação do livro é linda, as páginas são densas e todas têm manchas. O livro é todo narrado pelos dois protagonistas onde a autora nos proporciona a perspectiva dos dois, sem tornar a leitura enfadonha ou até mesmo caótica. 

Posso dizer que estive em muitos momentos dentro do livro encarando junto com o Day todas as dificuldades e padecendo com ele. Assim como também pude ser um pouco da June trazendo dentro de mim coragem, inteligência e por assim dizer cicatrizes do passado.

Vale a pena comprar o seu livro, pedir emprestado, chorar no pé do amigo para ser presenteado, enfim, leia! Só tenho uma reclamação a ser feita, o livro acabou rápido demais!


Demais livros da trilogia


2 comentários :

  1. Amei sua resenha! Legend é uma das melhores trilogias que existem <3. Leia Prodigy e Champion o quanto antes *-*

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Alba. Realmente tive uma agradável surpresa com Legend. Seguirei a sua dica! Um grande beijo!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...